Abrir login
REUNIÃO DO COMITÉ CENTRAL DA CERS

 

No Sábado 31 de Janeiro de 2015, realizou-se na cidade do Porto, Hotel Bessa, uma reunião do Comité Central da CERS – Confédération Européenne de Roller Skating

(from left to right): Ricardo Araújo (CERS Vice-Secretary), Martin Van Lieshout (CERS 2nd.Vice-President), Fernando Naroli (CERS 3rd.Vice-President), Margaret Brooks (CEPA President), Fernando Claro (CERS President), Irmelin Otten (CEC President), Ignacio Gonzalez (CERS 1st.Vice-President) and Fernando Graça (CERH President & CERS Secretary General)

Durante esta reunião foram analisadas, discutidas e aprovadas diversas questões de relevante interesse para as diferentes disciplinas da patinagem europeia, destacando em particular:

1. A aprovação do Relatório Financeiro da CERS, relativo ao exercício do ano 2013.

2. A apresentação das Contas e Relatórios de atividade dos Comités Técnicos das disciplinas de Hóquei em Patins, Patinagem Artística e Patinagem de Velocidade

3. A aprovação dos calendários do ano 2015 relativamente às competições europeias que serão organizadas pelas diferentes disciplinas da patinagem

4. A designação do Comité Europeu Provisório do Hóquei em Linha, que terá a seguinte constituição:

   • Presidente – BORIS DARLET (França)

   • Vice-Presidente – FÁBIO FORTE (Itália)

   • Vice-Presidente – XAVIER CHAO (Espanha)

5. A constituição do seguintes 2 NOVOS SUB-COMITÉS DA CERS:

   • “FREE STYLE”, a cargo de IRMELIN OTTEN, Presidente do Comité de Patinagem de Velocidade

    • “ROLLER DERBY”, a cargo de MARTIN VAN LIESHOUT, 2º Vice-Presidente da CERS.

6. A apresentação pelo Presidente da CERS - para análise e deliberação em próxima reunião do Comité Central – da proposta de realização do “MEETING DA PATINAGEM – JANELAS PARA O FUTURO”, incentivando e promovendo o diálogo com todas as Federações Europeias filiadas, visando dois objectivos fundamentais:

   • Obter informação sobre os problemas e dificuldades com que as Federações se confrontam, designadamente nos planos económico e financeiro

   • Recolher ideias e sugestões das Federações a nível estritamente desportivo de cada disciplina, visando a definição de programas e planos de ação que possa contribuir para o seu desenvolvimento e promoção.

A ideia será aproveitar a organização de Campeonatos Europeus de cada Disciplina para promover - sob a coordenação do Presidente da CERS e do respetivo Comité Técnico - a realização de “workshops” com as Federações participantes e todas as outras que queiram fazer-se representar.

 

Versão de Impressão

 

 
NOVO COMITÉ EUROPEU (PROVISÓRIO) PARA O HÓQUEI EM LINHA
Aproveitando a reunião do seu Comité Central, o Presidente da CERS convidou alguns dos responsáveis do Hóquei em Linha Europeu para debater a constituição dum Comité Europeu Provisório do Hóquei em Linha para assegurar a gestão desta disciplina da patinagem e para viabilizar a definição de um programa de ação de curto prazo, com o objetivo de se conseguir garantir a normalidade funcional e institucional desta disciplina a nível Europeu.
 

(from left to right): Ricardo Araújo (CERS Vice-Secretary), Kathy Morris (UK In-Line), Fabio Forte (Italy In-Line), Martin Van Lieshout (CERS 2nd.Vice-President), Fernando Naroli (CERS 3rd.Vice-President), Margaret Brooks (CEPA President), Fernando Claro (CERS President), Irmelin Otten (CEC President), Ignacio Gonzalez (CERS 1st.Vice-President), Fernando Graça (CERH President & CERS Secretary General), Boris Darlet (France In-Line), Philippe Boudreault (Spain In-Line Coach) and Xavier Chao (Spain In-Line)

 

Tendo em atenção o relatório elaborado pelo Vice-Presidente da CERS, Ignacio Gonzalez, relativamente à atividade desenvolvida pela Comissão Provisória do Hóquei em Linha, foram convidados a participar nesta reunião os seguintes membros do anterior Comité Provisório: BORIS DARLET (França), FABIO FORTE (Itália), XAVIER CHAO (Espanha) e KATHY MORRIS (Inglaterra). Por sua iniciativa, esteve também presente PHILIPPE BOUDREAULT (Treinador ao serviço da Federação de Espanha).

 

O Presidente da CERS traçou os objetivos desta reunião, confirmando ser seu entendimento que as pessoas que estão envolvidas diretamente na direção da disciplina nas Federações Europeias - e que melhor conhecem a sua realidade e os problemas existentes – é que deveriam assumir, com liberdade e responsabilidade, a gestão provisória do Comité Europeu do Hóquei em Linha, por forma a garantir o cumprimento das diretrizes já aprovadas pelo Comité Central da CERS, em particular:

   • Como primeira prioridade, há que viabilizar que seja cumprido o requisito básico imposto pelos Estatutos da CERS para a realização de Assembleias Gerais de qualquer disciplina da patinagem: a organização de Campeonatos Europeus, o que exige a participação de, pelo menos, 5 seleções nacionais das Federações Europeias filiadas na disciplina.

   • Competirá, pois, ao Comité Provisório do Hóquei em Linha viabilizar, no ano de 2015, a organização de um ou mais Campeonatos Europeus de hóquei em linha, em Masculinos e/ou de Femininos e nos escalões etários que sejam entendidos como mais convenientes.

   • Só assim será possível garantir a nível europeu a normalidade funcional do Hóquei em Linha, promovendo a convocação da sua primeira Assembleia Geral, visando quer a eleição do CERILH, quer a aprovação dos seus Regulamentos específicos (Regulamento Geral + Regulamento de Competições) Consequentemente, o Presidente da CERS comunicou aos representantes do hóquei em linha que estavam presentes que deveriam reunir entre si para, com total autonomia, definirem as seguintes questões:

   • Quais os 3 elementos (1 Presidente e 2 Vice-Presidentes) a designar de imediato pela CERS para assumirem a responsabilidade da gestão do Comité Europeu Provisório do Hóquei em Linha. Se assim for entendido como conveniente pelos membros formalmente designados, outras pessoas poderão sempre ser convidadas a prestar a sua colaboração a este Comité.

   • Quais as competições – seja de clubes seja de Nações – que poderão ser organizadas no ano de 2015 pelo Comité Europeu Provisório do Hóquei em Linha. Após receber informação detalhada sobre os resultados desta reunião, o Comité Central da CERS aprovou as seguintes decisões:

(1) Designar para o COMITÉ EUROPEU PROVISÓRIO DO HÓQUEI EM LINHA os seguintes 3 membros:

   • Presidente – BORIS DARLET (França)

   • Vice-Presidente – FÁBIO FORTE (Itália)

   • Vice-Presidente – XAVIER CHAO (Espanha)

(2) Aprovar o plano de competições europeias de hóquei em linha para o ano de 2015, compreendendo:

   • 2 COMPETIÇÕES DE EQUIPAS DOS CLUBES EUROPEUS:

        a) Liga dos Campeões

        b) Taça da Confederação Europeia

   • 2 COMPETIÇÕES DE EQUIPAS DAS SELECÇÕES NACIONAIS EUROPEIAS:

        c) Campeonato Europeu de Sub-17 Masculino (a organizar na 1ª semana de Setembro)

        d) Campeonato Europeu Feminino (a confirmar, dada a realização dum Campeonato mundial na Argentina, que pode condicionar a participação das equipas das federações Europeias)

   (3) Promover a realização duma reunião com o Presidente do CIRILH, GILBERT PORTIER, com as presenças quer do Presidente da CERS, FERNANDO CLARO, quer do Presidente do Comité Europeu Provisório do Hóquei em Linha, BORIS DARLET.

 

Esta reunião terá como objetivo o estabelecimento do desejado diálogo com o CIRILH, para tentar ajustar os calendários e planos de ação, mas preservando sempre a autonomia administrativa e técnico-desportiva do Comité Europeu, em função da sua “nova realidade”.

 

Por outro lado, procurar-se-á sensibilizar o Presidente do CIRILH para a necessidade de realizar os Campeonatos do Mundiais da disciplina de 2 em 2 anos, possibilitando a realização intercalada dos Campeonatos Continentais, situação que, para além das questões técnico- desportivas, se torna também necessária por questões de natureza estritamente económico-financeiras.

 

Versão de Impressão

 
REUNIÃO DA COMISSÃO EXECUTIVA DA CERS REALIZADA A 9 DE DEZEMBRO DE 2011
A 9 de Dezembro e 2011, na cidade do Porto, em Portugal, realizou-se uma a reunião do Comité Executivo da CERS, com a presença de todos os seus membros, para decidir, como ponto único da sua agenda, o seguinte: “Análise discussão e deliberação da proposta do Presidente da CERS relativa ao recurso do Hockey Clube Liceo, apresentado em 2 de Novembro de 2011, relativamente `Taça Continental 2011 de Hóquei em Patins.”

Depois do debate ocorrido entre os participantes da reunião, foi pronunciada e aprovada a seguinte decisão: “ O Comité Executivo da CERS determina – em conformidade com o disposto nos artigos 2, 13, 14, 19 e 22 dos Estatutos da CERS – a remessa para o Comité Central do recurso do Hockey Club Liceo, apara ao fins que, estatutariamente, este considere serem apropriados.”

REUNIÃO DO COMITÉ CENTRAL DA CERS REALIZADA A 10 DE DEZEMBRO DE 2011

A 10 de Dezembro e 2011, também na cidade do Porto, Portugal, foi realizada a reunião anual do Comité Central da CERS, com a presença de todos os seus dez membros, designadamente

a)     4 MEMBROS DO COMITÉ EXECUTIVO DA  CERS:
        * O Presidente da CERS, Fernando Claro (Portugal);
        * O 1º Vice-Presidente, Jan Piotrowsky (Bélgica
        * O 2º Vice-Presidente, Ignacio González (Espanha;
        * O 3º Vice-Presidente, Fernando Naroli (Itália


b)     4 PRESIDENTES DE CADA COMITÉ TÉCNICO-DESPORTIVO DA CERS:
        * O President of C.E.C (Comité Europeu de Corridas), Umberto Urbinati (Itália);
        * O President of C.E.P.A. (Comité Europeu de Patinagem Artística), Margaret Brooks (Inglaterra);
        * O President of C.E.R.H. (Comité Europeu de Hóquei em Patins), Carlos Graça (Portugal);
        * O President of C.E.R.I.L.H. (Comité Europeu de Hóquei em Linha), Dirk Schulz (Alemanha).


c)    2 MEMBROS DO SECRETARIADO GERAL DA CERS (sem direito a voto):
      * O Secretário Geral, Fernando Graça  (Portugal);
      * O Vice Secretário, Raoul Trumpy (Itália)

Da esquerda p/a direita:    Fernando Graça, Umberto Urbinati, Raoul Trumpy, Carlos Graça, Margaret Brooks, Fernando Naroli, Fernando Claro, Jan Pietrowsky, Ignacio González,

                                         Dirk Schulz


Além dos pontos habituais da Ordem de Trabalhos (aprovação das contas, relatórios do Presidente da CERS, dos Vice-Presidentes da CERS e de cada um dos Presidentes dos Comités Técnico-Desportivos), esta reunião tinha de tratar de um assunto específico e muito importante – com um impacto relevante nos diferentes media -  relacionado com a “falta de comparência” do Hockey Club Liceo (HCL) ao jogo da Taça Continental 2011 de hóquei em patins, o qual – por decisão do C.E.R.H. -  deveria ser jogado no dia 5 de Novembro de 2011, no Pavilhão de Monserrate, em Viana do Castelo, Portugal.
Tanto o H.C.Liceo – em 21 de Novembro de 2011 – como a  Real Federación Española de Patinaje (R.F. E.F.) - em  1 de Dezembro de 2011 -  decidiram ao Comité Central da CERS recursos contra aquela decisão do C.E.R.H., recursos esses que, durante a acima referida reunião anual do Comité Central da CERS foram devidamente analisados, discutidos e decididos, tal como estabelecido nas conclusões seguidamente apresentadas:

I)     O Comité Central da C.E.R.S. considera que não pode aceitar o conhecimento do objecto dos recursos apresentados pelo Hockey Club Liceo e pela Real Federación Española de Patinaje (R.F.E.P.) - em virtude da inexistência de protesto ou reclamação segundo as regras de jogo, de prévia decisão da Comissão Técnica Disciplinar e, bem assim, por falta de pagamento da taxa devida pelo recurso -  pelo que ordena o arquivamento dos autos.

 

II)  a)    O Comité Central da C.E.R.S. declara a sua total concordância com a decisão efectuada pelo C.E.R.H. - Comité Europeu de Rink Hockey  - e por este comunicada em 10/10/2011 aos dois clubes qualificados, e respectivas Federações - relativamente à disputa da Taça Continental de hóquei em patins num único jogo, a realizar no dia 5/11/2011, no pavilhão de Monserrate, em Viana do Castelo;

    b)    O Comité Central da C.E.R.S. confirma o reconhecimento do CERH como a única entidade que tem legitimidade e competência para decidir todas as questões de natureza administrativa e/ou desportiva que sejam respeitantes às competições europeias de hóquei em patins, tanto a nível de clubes como de selecções nacionais;

    c)    O Comité Central da C.E.R.S. recomenda ao CERH que - em conformidade com a decisão por si tomada neste caso concreto e tendo em atenção a sugestão expressa ao longo desta proposta – promova de imediato as alterações que entender adequadas no Regulamento da Taça Continental, designadamente no que respeita aos actuais artigos 2 e 9.

 

III) O Comité Central da C.E.R.S. decide ainda efectuar o envio deste assunto para o C.E.R.H. com a recomendação de que seja este a decidir – atenta a matéria em questão – qual o posterior desenvolvimento que todo este assunto deve conhecer.

Para assegurar uma melhor clarificação acerca desta decisão,  poderá ser acedida – através do “link” abaixo - a proposta integral que foi  proferida e aprovada nesta reunião do Comité Central da CERS.

 

Proposta aprovada em 10/12/2011
 versão em português


 

 

 


 

 
ASSEMBLEIA GERAL

 

Reunião da CEPA3 a 5 de Dezembro de 2009 – Roodkerk (Holanda)
Reunião da CEPA
Reunião da CEPA
 
Reunião do Comité Central28 de Novembro de 2009 – Lisboa (Portugal)
Reunião do Comité Central
Assembleia Geral Electiva26 de Setembro de 2008 – Fuengirola (Espanha)
Assembleia Geral Electiva

Presidente – Fernando Elias Claro (Portugal)
Vice-Presidente – Jan Piotrowsky (Bélgica) / Ignacio González Pereira (Espanha) / Fernando Naroli (Itália)
 
Reunião do Comité Central21 de Outubro de 2006 – Porto (Portugal)
Reunião do Comité Central
Assembleia Geral do CEC15 de Julho de 2006 – Martinsicuro (Itália)
Assembleia Geral do CEC
Participaram os seguintes países: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslovénia, Espanha, Estónia, Finlândia, França, Georgia, Grã-Bretanha, Holanda, Hungria, Itália, Portugal, República Checa, Suécia e Suíça. Total: 18.
Assembleia Geral1 de Outubro de 2005 – Óbidos (Portugal)
Assembleia Geral

 

 
Temos 28 visitantes em linha